REGIMENTO DA SALA DE APOIO AO ADVOGADO

Art. 1.º - A sala de apoio destina-se aos advogados em trânsito, com a finalidade de auxiliá-los em trabalhos/atendimentos emergenciais, possibilitando a prestação de seus serviços fora de seus escritórios.

§ 1.° - O advogado deve identificar-se aos funcionários da CAASC, com sua identidade profissional, e estar em dia com a anuidade da OAB/SC.

§ 2.° - A verificação da regularidade com a tesouraria da OAB/SC será feita imediatamente através do cadastro e, posteriormente, com a tesouraria da OAB/SC.

§ 3.° - Sendo verificada a inadimplência, será vetada a utilização da sala, até comprovação de liquidação do débito.

§ 4.° - É terminantemente proibida a utilização da sala por estagiários não inscritos na OAB/SC, funcionários de escritórios de advocacia, ou qualquer outra pessoa estranha à OAB/SC.


Art. 2.º - Na utilização da sala de apoio deve-se observar:

I - Ordem de chegada;

II - As regras de boa conduta e educação, notadamente no que concerne ao excesso de ruído.


Art. 3.º - Não será permitido fumar nas dependências da sala de apoio.


Art. 4.º - Fica vedado uso para atendimento habitual, sendo este compreendido como mais de dois atendimentos semanais.


Art. 5.º - É proibida a utilização da sala de apoio para fins de mera impressão de trabalhos anteriormente elaborados, sendo desta forma vedada a utilização de disquetes.


Art. 6.º - É permitido ao advogado consultar e utilizar os materiais colocados à disposição no escritório virtual, ficando vedado o empréstimo de livros da livraria da CAASC para consultas.

§ 1.º – Será colocado à disposição do advogado em trânsito, um computador com impressora destacado pelos dizeres: Apoio ao advogado.

§ 2.º - A utilização de telefone fica restrita, devendo o advogado informar ao suporte administrativo as chamadas efetuadas para celulares e para localidades fora da grande Florianópolis.